fbpx
GeralTurismo

CGE fiscaliza serviços de balsas em Guaratuba

A Controladoria-Geral do Estado (CGE) verificou o tempo e condições da travessia da Baía de Guaratuba, no Litoral, na sexta-feira (17) e sábado (18) pela manhã, períodos considerados de maior movimento no fim de semana.

Foi feita pesquisa de satisfação com os usuários do serviço, por meio do programa CGE Itinerante.

O trabalho foi motivado por reclamações que chegaram à Ouvidoria-Geral.

Havia queixas de demora na fila e questionamentos sobre a qualidade das embarcações, em parte motivadas pelo incidente ocorrido há alguns dias, quando uma balsa ficou à deriva por cerca de uma hora.

“Nosso trabalho é de parceria com outros órgãos, na condução da boa gestão, ética e íntegra. Na travessia, colhemos informações para embasar eventual notificação à empresa responsável pelo serviço”, esclareceu Raul Siqueira, controlador-geral do Estado, que participou da ação pessoalmente.

O órgão responsável pelo contrato de concessão com a empresa BR Travessias, responsável, desde abril, por fazer a travessia da baía, é o Departamento de Estradas de Rodagem (DER).

O contrato, disponível no site do DER, estabelece tempo de espera máximo, da cabine de cobrança ao embarque, de até 22 minutos na alta temporada e 32 minutos na baixa temporada.

A equipe do CGE Itinerante constatou que, na noite de sexta-feira, a espera ultrapassou o tempo contratual. 

No sábado pela manhã, o tempo até o embarque ficou abaixo do determinado.

O não cumprimento dos prazos contratuais podem gerar multas e outras sanções.

“A situação está bem melhor que meses atrás, quando fizemos o mesmo trabalho e havia reclamações de espera de até quatro horas. Vamos continuar atentos a esse serviço, bastante requisitado na temporada, para que a população tenha serviço de qualidade e em conformidade com o estabelecido entre o Governo do Estado e a empresa”, declarou Siqueira.

A CGE orienta a todos os usuários desse serviço que, diante de qualquer problema, relate-o à Ouvidoria-Geral, para que providências possam ser tomadas.

FISCALIZAÇÃO – O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná também fiscaliza a qualidade do serviço prestado e o tempo de travessia do ferry boat de Guaratuba.

Esse controle será feito durante toda a operação Verão Paraná – Viva a Vida, de dezembro a março.

Serviço

Canais da Ouvidoria-Geral do Estado

Telefone: 0800 041 1113

WhatsApp: (41) 3883-4014

Internet: Ícones “Fale com o ouvidor” ou “Ouvidoria”, disponível em todos os sites do Governo do Estado.

Endereço: Rua Mateus Leme, 2.018 – Centro Cívico – Curitiba

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo