fbpx
Esporte

Edenilson marca gols da vitória e comemora com gesto forte contra racismo

Foi a primeira partida após o episódio em que reclamou de injúria racial praticada pelo lateral Rafael Ramos, no empate em dois gols contra o Corinthians.
Ele prestou depoimento à Polícia Civil ainda no vestiário, dizendo que foi chamado de “macaco”.
No jogo da noite passada Edenilson marcou os dois gols da vitória, o segundo de rara qualidade técnica, e manifestou num gesto forte a reação ao que sofreu domingo passado.
NOTA OFICIAL
A direção do Internacional divulgou nota oficial.

“Mais uma vez, um lamentável caso de racismo é registrado no futebol nacional. Desta vez, em nossa casa, contra um jogador do Internacional. Na partida deste sábado, pelo Campeonato Brasileiro, Edenilson relata ter sofrido injúria racial por parte de Rafael Ramos, atleta do Corinthians”, escreveu a equipe gaúcha.

“É inadmissível que ainda ocorram fatos desse tipo em 2022, não há espaço para o racismo em nossa sociedade. O Clube do Povo reitera que repudia todo e qualquer ato de preconceito e apoia o seu atleta”, completa

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo