fbpx
Educação

Evento final do Prêmio Professor Transformador terá a participação de DJ e ativista de 14 anos

O Prêmio Professor Transformador, promovido em parceria pelo Instituto Significare e Bett Brasil, com o objetivo de valorizar educadores e promover projetos transformadores implementados na Educação Básica, vai divulgar os resultados finais desta segunda edição no dia 11 de maio, a partir das 15h30, durante a Bett Brasil 2022, considerada o maior evento de Educação e Tecnologia da América Latina e que será realizado de 10 a 13 de maio, no Transamerica Expo Center, em São Paulo (SP).

Além da presença dos 12 professores finalistas (relação completa adiante), a programação contará com uma participação internacional: a DJ e ativista Rivkah, que com apenas 14 anos de idade é a produtora de música eletrônica mais jovem do planeta.

Ela vai discotecar e compartilhar suas visões sobre Educação Transformadora e o futuro do planeta.

Para o Professor Wellington Cruz, presidente do Instituto Significare, o evento final de premiação será a oportunidade de celebrar a trajetória dos finalistas e de todos os educadores que participaram desta segunda edição do Prêmio, marcada pelo ainda desafiante período da pandemia.

“Os professores de todo o Brasil foram e continuam a ser verdadeiros ‘guerreiros’ ao levarem adiante a missão de Educar em um momento tão atípico e único. Chegar à final da Premiação nesse contexto é o coroamento dessa trajetória e, ao mesmo tempo, inspiração para que mais educadores também evidenciem os seus projetos de Educação Transformadora nas próximas edições do Prêmio”.

Todas as informações sobre o Prêmio Professor Transformador podem ser acompanhadas pelo blog do Instituto Significare.

Finalistas do II Prêmio Professor Transformador

Categoria: Educação Infantil

  • Alessandra de Melo, de Luziânia (GO), com o projeto: “O Carteiro Chegou!”
  • Andrea Lange, de Joaçaba (SC), com o projeto: “Eu e Você: No Nosso Mundo, as Nossas Diferenças Nos Tornam Iguais”;
  • Valéria Mariano de Lima, de Santos (SP), com o projeto: “A Liga da Reciclagem”.

Categoria: Ensino Fundamental I

  • Carlos Henrique Patrício, de Magé (RJ), com o projeto: “Escola Humanizada: Acolher, Escutar E Pertencer”;
  • Eliane Babi Lohse, de Castro (PR), com o projeto: “Cadê o Mosquito que estava aqui? O sapo comeu!”;
  • Karina Letícia Júlio Pinto, de Timóteo (MG), com o projeto: “Câmara Mirim 2019”.

Categoria: Ensino Fundamental II

  • Celiana Mota Rodrigues, de Brasília (DF), com o projeto “Desiderata”;
  • Luciano Sanches Teixeira, de Palmas (TO), com o projeto: “Shogi na Escola”;
  • Wagner Severgnini, de Caçador (SC), com o projeto: “Aquecendo Corações”.

Categoria: Ensino Médio

  • Adilson Pontes da Silva, de Camutanga (PE), com o projeto: “As verduras e legumes aproveitáveis e o extrato que dá gosto”;
  • Marcelo Luiz de Sousa, do Rio de Janeiro (RJ), com o projeto: “Práticas corporais dos povos indígenas: Corpo – Cultura – Inclusão – Cidadania”;
  • Renato Nunes Ramalho, de Cajazeiras (PB), com o projeto: “Reaproveitamento das Águas Pluviais e Cinzas nas escolas do semiárido paraibano”.

 

Sobre o Instituto Significare

 

O Instituto Significare surgiu com o objetivo de promover e estimular o desenvolvimento de práticas de Educação Transformadora, por meio de iniciativas como o Prêmio Professor Transformador.

 

Siga o Instituto nas redes sociais:

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo