Política

General Silva e Luna deixa Itaipu e assume Petrobrás

O general tem recebido elogios do presidente em sus manifestações semanais pelo comprometimento com o uso de recursos públicos, investindo em obras estruturantes no Paraná

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nas mídias sociais que o general Joaquim Silva e Lula vai presidir a Petrobrás a partir de 20 de março, quando encerra o ciclo do atual presidente, Roberto Castelo Branco.

O general tem recebido elogios do presidente em sus manifestações semanais pelo comprometimento com o uso de recursos públicos, investindo em obras estruturantes no Paraná.

O governo decidiu indicar o senhor Joaquim Silva e Luna para cumprir uma nova missão, como conselheiro de administração e presidente da Petrobras, após o encerramento do ciclo, superior a dois anos, do atual presidente, senhor Roberto Castello Branco“, afirmou Bolsonaro no Facebook.

Silva e Luna é general de Exército da reserva e foi Ministro da Defesa do governo Michel Temer.

Por sua vez, Roberto Castello Branco defendia independência da Petrobrás para aumentar preços dos combustíveis e no final de janeiro disse que os problemas dos caminhoneiros não eram de sua alçada.

A diretoria executiva da Petrobras está considerando uma renúncia coletiva após o anúncio feito por Bolsonaro, disseram à Reuters três fontes próximas do assunto, que falaram sob a condição de anonimato.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo