Cultura

Beto Capeletto homenageado na Assembleia por músicas que cantam o Paraná

É cantando as belezas do Paraná que o músico Beto Capeletto demonstra o orgulho da nossa gente e da nossa terra.

O trecho da música “Sou Paraná” é apenas uma pequena amostra das mais de 100 músicas gravadas e 67 produzidas,  dedicadas a cantar as belezas das cidades paranaenses, o valor da nossa gente, as lutas, história e pontos turísticos.

O músico foi homenageado na Assembleia Legislativa do Paraná.

A entrega de uma Menção Honrosa foi uma proposta do deputado Tercílio Turini (CDN), que destacou o trabalho de Capeletto em valorizar, principalmente, as cidades do Paraná.

“É um artista que tem como fonte de inspiração e criação o nosso estado do Paraná. Ele tem divulgado como ninguém os nossos municípios e o nosso estado do Paraná. É um verdadeiro embaixador do Paraná. A Assembleia Legislativa está fazendo essa homenagem, uma homenagem de todo o Paraná, por tudo aquilo que o senhor como artista, como músico e como compositor, tem feito pelo estado e elevado o nome das cidades do Paraná”.

Capeletto falou da alegria em receber a homenagem e ver sua música valorizada no estado que tanto ama.

“É a primeira vez em 22 anos que eu sou lembrado nesta Casa de Leis. Então, para mim, isso é muito importante, porque tocam músicas minhas muito mais fora do que aqui. No Rio Grande do Sul, no Mato Grosso, em São Paulo, mas agora chegou o momento de ser valorizado e ouvido aqui e eu estou muito feliz com isso”.

Paranaense filho de gaúchos, Capeletto aprendeu em casa a valorizar a nossa terra.

“Eu sou filho de gaúchos e meus pais foram fundadores de uma cidade do Noroeste, Querência do Norte. Meu pai começou a passar para os filhos o amor que a gente tinha que ter por essa terra. E eu nasci aqui já. Eu poderia cantar qualquer outra coisa, mas o que bate em mim é o Paraná e me doo completamente para essa missão”.

Biografia – Nascido em Querência do Norte, Alberto Capeletto – conhecido como Beto Capeletto – é dentista e tem uma trajetória de mais de vinte anos na cultura paranaense. É autor da canção que fala sobre os 150 anos da emancipação política do estado (comemorados em 2003) e de outras composições que retratam todas as cidades do Paraná, lutas, alegrias e lamentos de sua gente, rios e também os pinheirais.

A maioria das músicas foi gravada pelo grupo “Terra Vermelha”, que conta na sua formação com Renato, Juliano Floriani, Danilo Dyba, Julio César de Lima e Paulo Machado, além de Beto Capeletto. A primeira composição de sucesso do “Terra Vermelha” foi a música “Maringá”.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo