GeralSaúde

Prefeito agradece a profissionais de saúde pelo combate à pandemia

O prefeito Rafael Greca foi até a Plenária Gerencial da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Curitiba, na tarde desta quinta-feira (2/12), agradecer à equipe do SUS curitibano pela atuação na pandemia e celebrar com os profissionais o momento em que a cidade registra três dias sem mortes pela covid-19.

A Plenária Gerencial retomou o formato presencial depois de dois anos que exigiram medidas restritivas de circulação e reuniões de grupos.

O encontro foi realizado respeitando protocolos sanitários de combate à covid-19 do Clube Três Marias, em Santa Felicidade.

O prefeito lembrou que o mundo ainda enfrenta desafios da doença, como a nova variante, mas que a continuidade da vacinação na população e a manutenção de cuidados sanitários vão permitir superar o desafio da pandemia.

Até esta quarta-feira (1/12), Curitiba já havia imunizado com as duas doses ou a dose única 84,6% da população elegível para receber o imunizante.

E, nesta quinta-feira, a cidade registrou apenas 43 novos casos de covid-19.

A plenária

O agradecimento do prefeito foi realizado em um evento estratégico da equipe da SMS.

A Plenária Gerencial é o momento em que equipe da Saúde se reúne para o balanço dos desafios e avanços em 2021 e discutir projetos e metas para 2022.

Este ano reuniu 260 profissionais, entre superintendentes, diretores, assessores, supervisores, coordenadores, autoridades sanitárias locais e chefias de serviço da secretaria.

“Gratidão, gratidão, gratidão. Essa é a palavra para este momento. Sintam-se abençoados porque Curitiba não sucumbiu à covid-19 graças ao trabalho de vocês”, destacou a secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak.

Para reforçar o agradecimento, a equipe foi presenteada com a visita dos “bruxos” Beth e Smith, contadores de histórias da Casa Encantada do Bosque do Alemão, que criaram uma história musicalizadas especialmente para o evento, e assistiram a um vídeo que lembrou a jornada de superações no enfrentamento ao novo coronavírus.

Vivências que rendem um livro

No evento, a equipe foi convidada a refletir sobre as situações que viveram e aprendizados que tiveram durante a pandemia. São tantas histórias que renderia um livro.

E vão render: a secretária convidou as equipes a transporem para o papel o que viram e viveram no combate ao novo coronavírus, que serão compilados em uma publicação.

“Tenho certeza que vamos ser um best seller. Tivemos momentos difíceis, reflexões, transformações e até fatos engraçados que merecem ser contados”, disse Márcia.

Saúde 4.1

Além da reflexão sobre os aprendizados durante a pandemia, foram apresentadas as diretrizes da “Saúde 4.1” para Curitiba, projeto que nasceu durante a pandemia para ampliar o uso de tecnologias, aliadas ao atendimento humanizado na Saúde em Curitiba, para o benefício dos cidadãos.

O nome da proposta tem como referência a era 4.0, que incorpora tecnologias avançadas para tornar os processos mais eficientes, e o DDD 041, que identifica Curitiba nas ligações telefônicas interurbanas.

Também participaram o vice-prefeito Eduardo Pimentel, o deputado estadual Michele Caputo, o deputado federal Luciano Ducci e o vereador Alexandre Leprevost.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo